Política

Gastos dos deputados federais chegaram a R$ 4,2 milhões; Rodrigo Martins está no topo

De acordo com os dados da Câmara, o deputado que mais utilizou a cota foi Rodrigo Martins (PSB), no valor de R$ 494.334,51 no ano de 2016

10/01/2017 - Atualizado em: 10/01/2017, 10:24 Publicado por: Jéssica Kamila

A Câmara dos Deputados divulgou o ressarcimento dos gastos dos deputados federais de 2016. Os dez parlamentares do Piauí gastaram e receberam de volta o valor de R$ 4.225.531,03, sob o argumento de exercício e divulgação de atividade parlamentar, segundo o Jornal Diário do Povo na edição desta terça-feira (10/01).

Deputado Rodrigo Martins (Foto: Reprodução Saraiva)

Deputado Rodrigo Martins (Foto: Reprodução Saraiva)

De acordo com os dados da Câmara, o deputado que mais utilizou a cota foi Rodrigo Martins (PSB) no valor de R$ 494.334,51 no ano de 2016.

Já o deputado Marcelo Castro (PMDB) foi o que menos gastou, sua cota foi de R$ 260.726,72. A Cota para o Exercício da Atividade Parlamentar é cota única mensal. Podem ser indenizadas despesas com passagens aéreas, telefonia, manutenção do escritório, hospedagem entre outras.

TOTAL DOS GASTOS DA BANCADA FEDERAL PIAUIENSE 

  1. R$ 494.334,31 – Rodrigo Martins(PSB)
  2. R$ 493.951,34 Júlio César (PSD)
  3. R$ 473.032,96 Silas Freire (PR)
  4. R$ 462.052,97 Maia Filho (PP)
  5. R$ 461.741,53 Paes Landim (PTB)
  6. R$ 431.831,54 Assis Carvalho (PT)
  7. R$ 418.343,14 Atila Lira (PSB)
  8. R$ 366.236,03 Iracema Portella (PP)
  9. R$ 363.280,49 Heráclito Fortes (PSB)
  10. R$ 260.726,72 Marcelo Castro (PMDB)
comentários