23/04/2017 (86) 98119-5253

Edjalma Borges

Exposição fotográfica em Teresina homenageia o dia da Caatinga

22/04/2017 - Atualizado em: 22/04/2017, 13:18 Publicado por: Edjalma Borges
Exposição fotográfica em Teresina homenageia o dia da Caatinga

Mandacaru / André Pessoa

Mostra do fotógrafo André Pessoa reúne 30 imagens espetaculares sobre o bioma

Na próxima sexta-feira 28 de abril, Dia da Caatinga, o fotógrafo pernambucano André Pessoa, radicado na Serra da Capivara há mais de 20 anos, abre uma impactante exposição em Teresina para homenagear esse ambiente natural considerado de extrema biodiversidade.

A exposição com fotos ampliadas em grande tamanho e impressas em canvas (espécie de tela de pintura), vai ocupar os imensos ambientes da Lilia Casa, uma das mais renomadas lojas de design, arte, arquitetura e decoração da capital do Piauí.

Cactos /André Pessoa

Com curadoria e vitrine dos arquitetos Gustavo e João Almeida e coordenação de Bizet Castro, a exposição “Be Caatinga, Be Design” é inspirada numa coleção dedicada ao bioma exclusivamente brasileiro – seu povo, bichos, plantas e paisagens e traz fotografias de tirar o fôlego mostrando toda a beleza do Piauí com cores e registros inéditos.

Pessoa abre a exposição em Teresina e segue para a capital da Alemanha onde apresentará seu trabalho sobre a Serra da Capivara num evento científico na Embaixada do Brasil em Berlim. “Fico extremamente feliz de fazer essa mostra em Teresina antes da viagem para Europa. Mostrar a riqueza da Caatinga para os piauienses é, para mim, muito significativo e emocionante”, explica André.

Fonte: Agência Raízes do Piauí

Senador quer fim do horário político na TV e no rádio

18/04/2017 - Atualizado em: 18/04/2017, 14:20 Publicado por: Edjalma Borges

Senador quer fim do horário político na TV e no rádio

O deputado Paulo Bauer, líder do PSDB no Senado, apresentou ontem (17), projeto de lei que extingue o horário eleitoral no rádio e na televisão.

Segundo a proposta do tucano, a propaganda partidária custou R$ 3,57 bilhões aos cofres públicos nos últimos 12 anos.

“É preciso mudar o foco do marketing”, defende o senador tucano, que alega ser preciso “estimular os partidos e candidatos a voltarem às ruas para um contato maior com a população, o que está deixando de ocorrer em face do excesso de marketagem promovido pela propaganda”. O senador afirma também que, hoje, “boa parte do debate político” ocorre nas redes sociais.

O horário em rádio e TV usado por partidos e por candidatos é pago. As emissoras que veiculam abatem de seus impostos devidos grande parte do valor que deixam de ganhar. O valor descrito por Paulo Bauer sobre o custo total dos últimos 12 anos pode ser maior, mas a receita Federal não tem divulgado os dados exatos do montante.

Jornal Nacional deu 4 horas de reportagens sobre lista de Fachin

18/04/2017 - Atualizado em: 18/04/2017, 09:17 Publicado por: Edjalma Borges
Jornal Nacional deu 4 horas de reportagens sobre lista de Fachin

Ex-presidente Lula e senador Aécio Neves foram os políticos mais citados em reportagens do Jornal Nacional

O Jornal Nacional veiculou 4 horas, 3 minutos e 48 segundos sobre a lista de Fachin de terça-feira (11) a sábado (15).

Nos cinco dias, o ex-presidente Lula (PT) foi o político mais mencionado: foram 33min32seg. Praticamente o dobro de reportagens do 2º colocado, o senador Aécio Neves (PSDB-MG). O tucano apareceu em 16min27seg no Jornal Nacional.

Relatório do foro privilegiado extingue benefício para crimes comuns

18/04/2017 - Atualizado em: 18/04/2017, 09:08 Publicado por: Edjalma Borges

O parecer que será apresentado nesta quarta-feira (19) na Comissão de Constituição e Justiça do Senado determina o foro privilegiado somente para casos de crime de responsabilidade (crime político), que resultam no impeachment de autoridades.

Segundo analistas, as chances de o relatório passar – como está– são mínimas. Em meio à lista de Edson Fachin, relator da Operação Lava Jato no Supremos Tribunal Federal, há um consenso entre congressistas: a onda de “criminalização da política” não passará tão cedo e é preciso resguardar-se contra possíveis “abusos” do Ministério Público e da magistratura de 1ª Instância.

 

Leia a íntegra do relatório http://bit.ly/2nYxZOa

 

 

 

 

Elmano fala ao OitoMeia sobre PMDB se aliar a W.Dias e se mostra ‘em cima do muro’

10/02/2017 - Atualizado em: 10/02/2017, 13:58 Publicado por: Edjalma Borges
Elmano fala ao OitoMeia sobre PMDB se aliar a W.Dias e se mostra 'em cima do muro'

Elmano Ferrer oficializando sua filiação ao PMDB, em Brasilia, nesta terça-feira (31/01) (Foto: Divulgação)

O senador Elmano Férrer parece não estar interessado em ouvir os conselhos do presidente da Assembleia, Themístocles Filho, que essa semana disse que o recém filiado ao PMDB devia ser ouvido sobre a participação dos pemedebistas no governo de Wellington Dias (PT).

Desde que se juntou ao partido do presidente Michel Temer no dia 31 de janeiro, o senador não tem ido a Teresina e afirma não entrar no mérito da questão envolvendo o apoio do PMDB ao governo do Piauí e da candidatura de João Henrique Sousa ao governo em 2018.

De que lado o senhor vai ficar?

“Não, não…eu não entre nesta discussão. Tanto é que depois da minha filiação ao PMDB não fui a Teresina ainda. Não vou, pelo ao menos a princípio, entrar nesta discussão. O PMDB sempre teve correntes, como agora, que tem um lado que quer apoiar o governo e outro liderado pelo João Henrique que quer disputar o governo em 2018. Não vou entrar nisso. Acho que é um direito da democracia interna do partido. Como sou neófito, sou novato, recém-chegado, não vou entrar nisso”, declarou Elmano, enquanto aguardava para cortar o cabelo na barbearia do Senado.

Líderes petistas contrariam Lula e politizam morte de dona Marisa

03/02/2017 - Atualizado em: 03/02/2017, 14:52 Publicado por: Edjalma Borges

Em sua versão online desta sexta-feira (03), líderes petistas na Câmara dos Deputados atribuem morte da ex-primeira-dama Marisa Letícia, a perseguições políticas ao ex-presidente Lula.

Os líderes politizaram a morte, ao contrário do que queria o ex-presidente Lula, que tem instruído a cúpula do partido a evitar o uso político da morte da ex-primeira-dama.

O ex-chefe de gabinete do ex-presidente, Gilberto Carvalho pediu “serenidade” em mensagem enviada a petistas na manhã de quinta-feira (2). “Lula está neste momento no hospital esperando dr. Kalil chegar, para a última análise da situação, ver a possibilidade de doação de órgãos e deixá-la ir pra junto de Deus. Vamos manter a serenidade e mandar boas energias para que ela possa fazer seu trânsito com espírito sereno, em paz e com muito Amor”.

Lula agradeceu as manifestações de apoio à recuperação de Marisa. No Facebook, disse que a família autorizou os procedimentos para doação dos órgãos:

67% dos brasileiros não leem jornais, aponta pesquisa

23/01/2017 - Atualizado em: 27/01/2017, 14:51 Publicado por: Edjalma Borges
67% dos brasileiros não leem jornais, aponta pesquisa

Dentre os que leem jornais pelo menos 1 dia na semana, 66% priorizam a versão em papel e 30% a versão digital

A leitura de jornais não tem sido um dos maiores hábitos dos brasileiros, segundo levantamento feito pelo Ibope a pedido da Secretaria de Comunicação Social (Secom) do governo federal. Apenas 8% dos entrevistados disseram ler as publicações todos os dias.

Dentre os que leem jornais pelo menos 1 dia na semana, 66% priorizam a versão em papel e 30% a versão digital. Os leitores da versão impressa alimentam 1 hábito antigo: 49% compram os jornais nas bancas de revista. Apenas 16% têm assinatura.

Os jornais mais lidos, segundo pesquisa, são das regiões Sudeste e Sul. Com exceção do jornal A Tarde, da Bahia – Região Nordeste.

Abaixo, os jornais mais lidos:

Mídia

 

Embora 49% dos entrevistados tenham a internet como 1 dos 2 principais meios pelos quais procuram informações, sites, blogs e redes sociais são tidos como pouco confiáveis pela população. TVs, jornais e rádios lideram no quesito. Eis uma tabela com a taxa de confiabilidade de cada 1 dos meios.

Confiabilidade

A pesquisa foi realizada de 23 de março a 11 de abril de 2016. Os dados, entretanto, só foram disponibilizados em dezembro de 2016. Foram entrevistadas 15.050 pessoas em todos os estados.

Justiça Federal garante recursos para o Parque Nacional Serra da Capivara

19/01/2017 - Atualizado em: 19/01/2017, 08:56 Publicado por: Edjalma Borges
Justiça Federal garante recursos para o Parque Nacional Serra da Capivara

Pedra Furada. Foto: André Pessoa

Decisão deve gerar emprego e renda na região

Numa decisão de extrema importância para a integridade do patrimônio natural e cultural do Parque Nacional Serra da Capivara, além da geração de empregos e renda de forma sustentável, o juiz federal Pablo Enrique Carneiro Baldivieso, da Subseção Judiciária da Justiça Federal em São Raimundo Nonato (525 km de Teresina), determinou nesta quarta-feira (18), que cerca de R$ 780 mil reais sejam repassados imediatamente para a preservação da reserva federal.

A gerência e a aplicação desses recursos ficarão sob a coordenação da Fundação Museu do Homem Americano (Fumdham), com a supervisão do Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio) e Ministério Público Federal. A fundação é uma entidade científica que pesquisa na região há mais de 4 décadas e administra o parque nacional em regime de cogestão com o ICMBio. A instituição informou que os trabalhos serão executados através do planejamento entre os gestores do parque e órgãos parceiros.

A proposta e o efetivo processo contra a União foi uma iniciativa da Ordem dos Advogados do Brasil – Seccional Piauí, que solicitou o bloqueio de recursos financeiros num total de R$ 4,4 milhões a fim de que a quantia fosse destinada, conforme planejamento e projetos, para manutenção e preservação da Serra da Capivara, considerada Patrimônio Cultural da Humanidade pela UNESCO. A participação proativa do Ministério Público Federal também foi importante para a decisão judicial. O procurador federal Kelston Pinheiro Lages teve papel decisivo no acompanhamento da integridade da Serra da Capivara e como parte do processo.

Os recursos chegam para fortalecer o Parque Nacional Serra da Capivara que é apoiado pela Petrobras e nos últimos meses vem contando com o apoio de vários organismos governamentais, entre eles o Governo do Piauí que decidiu fortalecer a unidade de conservação federal apostando numa espécie de gestão compartilhada entre diferentes instituições.

Nessa teia de parceiros em prol do parque estão o Ministério do Meio Ambiente, ICMBio, Governo do Piauí e o Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan), que vai realizar um encontro no parque na próxima semana com técnicos de diversos setores do Governo Federal e a visita da presidente do Iphan, Kátia Borgéa, do presidente do ICMBio, Ricardo Soavinski, da vice-governadora do Piauí, Margarete Coelho e do ministro da Cultura, Roberto Freire.

A pesquisadora Niéde Guidon, que vem dedicando sua vida integralmente às pesquisas científicas, criação do parque, estruturação, divulgação e gerenciamento da reserva no Piauí, garantiu que a decisão do juiz Pablo Baldivieso é muito positiva e fundamental para manter o nível de excelência que sempre marcou os trabalhos na Serra da Capivara. “Com esses recursos poderemos proteger, conservar e manter a integridade cultural e natural desse parque maravilhoso para o Brasil e o mundo”, comemorou a arqueóloga.

Colaboração de André Pessoa em São Raimundo Noanto

Governo do Piauí vai transferir presos para prevenir ataques

18/01/2017 - Atualizado em: 18/01/2017, 09:32 Publicado por: Edjalma Borges

 

Governo do Piauí vai transferir presos para prevenir ataques

Foto: Divulgação

O governo do Piauí pretende mandar de volta para os estados de origem alguns dos presos que estão nas cadeias do estado. O Piauí, segundo o Setor de Inteligência do Governo Federal, possui cerca de 3.182 detentos em 15 unidades prisionais.

Ciro Nogueira gasta milhares de reais com passagens e refeições custeadas pelo Senado

16/01/2017 - Atualizado em: 16/01/2017, 11:10 Publicado por: Edjalma Borges
Ciro Nogueira gasta milhares de reais com passagens e refeições custeadas pelo Senado

Em um único final de semana, o senador Ciro Nogueira (PP-PI) gastou R$ 2.000 em restaurantes. Foto: Sergio Lima / Folhapress

Ciro Nogueira (PP-PI) é um dos senadores que dobrou os gastos de seu gabinete em Brasília. Levantamento feito pelo Senado a pedido do jornal Folha de S.Paulo, revelou que o gabinete do senador custou aos cofres públicos, em 2016, R$ 560 mil mais o salário de R$ 34 mil e auxílios como o de moradia de R$ 5.500 mensais.

Em cota parlamentar, Ciro Nogueira gastou R$ 360 mil – em um ano, um senador do Piauí tem direito a R$ 466 mil.

Foram gastos R$ 38 em passagens, mais R$ 250 mil com hospedagem, alimentação e locomoção. O senador não gastou nada com divulgação da atividade parlamentar.

Em julho, por exemplo, Ciro Nogueira gastou R$ 5 mil com alimentação.  No dia 29, uma sexta-feira, ele pagou R$ 966 em uma refeição na tradicional churrascaria Rodeio, em São Paulo.  No domingo seguinte, dia 31, desembolsou R$ 978 no restaurante Bendito Fogão, na cidade de Picos.

Em setembro, o senador usou R$ 54 mil da cota parlamentar. Despesas com combustível de avião somaram R$ 38 mil. A verba de transporte aéreo prevista para senadores do Piauí é de quase R$ 24 mil por mês.

Além da cota parlamentar, Nogueira desembolsou R$ 200 mil dos gastos extras em 2016, dos quais R$ 133 em viagens oficiais.

Procurada pela Folha, a assessoria do senador Ciro Nogueira não havia se manifestado até o fechamento da edição do jornal.

pesquisar no blog